Orgão Oficial

RelatosCBC - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões - Journal of the Brazilian College of Surgeons

VERSÃO EM E-BOOK


Português

Capa

Ano 2017 Fascículo 8
Abril / Junho

Relato de Caso

1 - Abordagem videolaparoscópica do trauma contuso de bexiga intraperitoneal

Laparoscopic management of intraperitoneal bladder blunt trauma

Pedro Romanelli de Castro; Júlia Loyola Ferreira; Guilherme Augusto Alves do Carmo; Márcia Cristina Brugnara; Hugo Monteiro Neder Issa

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Devido à proteção pela estrutura óssea da pelve, a bexiga é raramente sede de lesões traumáticas, sejam elas perfurantes ou contusas. Quando ocorrem, costumam estar associadas a fatores predisponentes como repleção vesical ou fratura de ossos pélvicos. As lesões da bexiga podem ser extra-peritoneais, de tratamento geralmente conservador, ou intraperitoneais, de tratamento cirúrgico. Apresentamos o caso de um paciente com trauma contuso de bexiga intraperitoneal tratado por videolaparoscopia, abordagem que vem sendo cada vez mais utilizada no trauma.


Palavras-chave: Bexiga Urinária. Doenças da Bexiga Urinária. Laparoscopia. Ferimentos e Lesões.

2 - Facilitando a reconstrução minimamente invasiva da parede abdominal: aplicação do sistema robótico na correção de hérnia paraestomal

Facilitating abdominal wall reconstruction with minimally invasive technique : the robotic application in parastomal hernia repair

Eduardo Rodrigues Zarco Câmara; Flávio Malcher Martins de Oliveira, TCBC-RJ; Armando Geraldo Franchini Melani, TCBC-RJ; Carlos A. Veo; Leandro Totti Cavazzola, TCBC-RS

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Uma das mais frequentes complicações dos estomas é a formação de hérnias paraestomais. Fatores de risco incluem obesidade, uso de esteroides, aumento da idade, aumento da pressão abdominal e técnica cirúrgica. Cerca de 30 a 70% destes pacientes necessitarão de intervenção cirúrgica, através de diversas técnicas disponíveis. Com o advento da robótica, o seu uso na hérnia paraestomal surge como uma nova possibilidade. Os autores relatam o caso de um paciente submetido à correção de hérnia paraestomal por via minimamente invasiva com o auxílio da plataforma robótica.


Palavras-chave: Hérnia. Laparoscopia. Robótica. Colostomia.

3 - Nódulo pulmonar fúngico mimetizando metástase pulmonar

Fungal pulmonary nodule mimicking pulmonary metastasis

Marta Romilda Spíndola Mota; Antonio Rozeni Gomes Barbosa Júnior; Ana Carolina Oliveira; Dhyogo Paulo Severo; Danilo Félix Daud, TCBC-TO

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

A criptococose pulmonar primária pode evoluir com manifestações clínicas variadas e com achados radiológicos também diversos, como infiltrados pulmonares com cavidades e nódulos sub-pleurais, mesmo em pacientes imuno-competentes. Estes, muitas vezes mimetizam metástases ou câncer primário do pulmão. Neste relato apresentamos o caso de uma paciente com história de tumor neuroendócrino de pâncreas operado quatro anos antes que, em exame de imagem de rotina, teve o diagnóstico de nódulo pulmonar sugestivo de metástase, cuja ressecção cirúrgica mostrou tratar-se de infecção fúngica.


Palavras-chave: Nódulo pulmonar solitário. Toracoscopia. Criptococose.

4 - Necrosectomia percutânea vídeo endoscópica complementar ao tratamento cirúrgico em um caso de pancreatite aguda necrotizante

Complementary videoendoscopic percutaneous necrosectomy of surgical treatment in a case of necrotizing pancreatitis

Hugo Erik Palácio de Oliveira; José Clean Benevides de Lima; Francisco Antônio Oliveira de Lima; Carlos Magno Queiroz da Cunha; Giovanni Troiani Neto; Francisco Julimar Correia de Menezes ACBC-CE

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

A pancreatite aguda é uma doença de espectro de apresentação variável e a presença de necrose pancreática infectada é um importante determinante de morbimortalidade. As evidências científicas recentes apontam para a necessidade de uma abordagem multidisciplinar e escalonada para realização de necrosectomia pancreática com técnicas minimamente invasivas. A necrosectomia endoscópica percutânea é uma técnica relativamente recente e bem estabelecida na literatura médica como opção para este tipo de abordagem. Neste trabalho, descreve-se a utilização de técnica de desbridamento percutâneo com auxílio de endoscópio e de óptica rígida videolaparoscópica como forma complementar ao tratamento cirúrgico e eficaz para resolução completa de quadro de necrose pancreática infectada em um paciente com pancreatite aguda necrotizante.


Palavras-chave: Pancreatite. Pancreatite Necrosante Aguda. Desbridamento. Necrose. Endoscopia.

5 - Síndrome do ligamento arqueado mediano em paciente submetido à gastroplastia vertical com bypass gástrico em y de roux: diagnóstico diferencial da dor abdominal pós-gastroplastia

Median arcuate ligament syndrome on patient submitted to roux-en-y gastric bypass: differential diagnosis in abdominal pain after gastroplasty

Rodrigo Fabiano Guedes Leite; TCBC-MG; Geraldo José de Souza Lima; TCBC-MG; Gustavo Munayer Abras; TCBC-MG; Livio José Suretti Pires; TCBC-MG; Eduardo Godoy Castro; ACBC-MG; Livia Paulucci Cavalcanti de Andrade

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

A síndrome do ligamento arqueado mediano ou Síndrome de Dunbar ocorre como resultado da compressão do tronco celíaco e de estruturas neurais adjacentes por fibras diafragmáticas. Os sintomas clássicos são dor abdominal, náuseas, vômitos e perda de peso. Paralelamente, a dor abdominal é a principal queixa dos pacientes bariátricos admitidos em serviços de urgência. Este estudo apresenta um raro caso de paciente previamente submetida à gastroplastia pela técnica de bypass gástrico em Y de Roux por vídeo-laparoscopia, que evoluiu com quadro de angina mesentérica por síndrome do ligamento arqueado mediano tratada por abordagem laparoscópica. Apesar de poucos registros na literatura médica, esta síndrome deve ser considerada no diagnóstico diferencial da dor abdominal em pacientes previamente submetidos à cirurgia bariátrica.


Palavras-chave: Gastroplastia. Dor Abdominal. Derivação Gástrica. Cirurgia Bariátrica.

6 - Obstrução intestinal secundária a gossipiboma

Intestinal obstruction secondary to gossypiboma

Edmilson Celso Santos; Julia Fabrini Machado; Pedro Corradi Sander; Bárbara Magalhães Munhoz

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

A presença de corpo estranho na cavidade abdominal pode evoluir de forma assintomática ou resultar em complicações graves. Relatamos o caso de um paciente de 76 anos, submetido a gastrectomia subtotal por adenocarcinoma gástrico há quatro anos, que evoluiu com quadro de obstrução intestinal por massa subfrênica que, à laparotomia, mostrou tratar-se de um gossipiboma.


Palavras-chave: Obstrução intestinal. Corpos Estranhos. Laparotomia.

7 - Cisto de colédoco com apresentação na idade adulta

Choledochal cyst with presentation in adulthood

Eclair Lucas Filho; AsCBC-AM; Carlos Augusto Almeida Silva; ACBC-AM; Flávio Augusto Oliva Melo; AsCBC-AM; Lázaro de Araújo Almeida; Jefferson de Carvalho Benayon; Marcus Assayag Cohen

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Cistos de colédoco são considerados afecções infrequentes na idade adulta. Costumam evoluir com dilatações das vias biliares intra e/ou extra-hepáticas, geralmente associadas a dor abdominal, massa abdominal palpável e icterícia. Em adultos, em geral são diagnosticados após algum tipo de processo inflamatório da via biliar. Relatamos um caso de cisto de colédoco com apresentação na fase adulta em paciente admitido com quadro de colangite.


Palavras-chave: Cisto do Colédoco. Colangite. Adulto.

8 - Ingestão de corpo estranho (prego) por crianças - manejo conservador

Foreign body (nail) ingestion by children - conservative management

Bruna Cecília Neves de Carvalho; Carolina Talini; Letícia Alves Antunes; Ayrton Alves Aranha Junior; André Luís Fortes Alves; Giovana Camargo de Almeida

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

A ingestão de corpo estranho é um problema comum na população pediátrica, com até 75% dos casos ocorrendo em crianças menores de cinco anos. O corpo estranho que passa para além da junção gastro-esofágica geralmente passa pelo trato gastrointestinal sem complicações. Nos casos em que o tratamento conservador é escolhido o paciente tem que ser acompanhado diariamente com exame clínico e radiografia. O objetivo deste estudo é relatar dois casos de ingestão de prego por crianças, que foram tratados conservadoramente e os pregos eliminados de forma espontânea e sem intercorrências. Os casos relatados aqui demonstram que a ingestão de prego pode ser acompanhado clinicamente com bons resultados.


Palavras-chave: Corpos Estranhos. Criança. Análise de Intenção de Tratamento. Assistentes de Pediatria.

9 - Hemangioendotelioma epitelioide da fissura pterigomaxilar

Epithelioid hemangioendothelioma of pterygomaxillary fissure

Maria Beatriz Nogueira Paschoal; José Francisco Sales Chagas; José Luís Braga Aquino; TCBC-SP; Douglas Alexandre Rizzanti Pereira; Amilcar Castro Mattos; Thalita Reis Ruba; Fernanda Garcia Callegari

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Hemangioendotelioma epitelioide é um tumor raro de origem endotelial, que pode acometer qualquer órgão, mais relatado em tecidos moles, fígado e pulmões. Possui potencial de malignidade intermediário e crescimento progressivo. Seu comportamento clínico varia e, assim, seu prognóstico geralmente é reservado. Relatamos o caso de hemangioendotelioma epitelioide de localização incomum, na fissura pterigomaxilar.


Palavras-chave: Hemangioendotelioma Epitelioide. Neoplasias de Cabeça e Pescoço. Angiofibroma.

10 - Compressão traqueal aguda por aneurisma de aorta torácica expansivo

Acute airway compression by expansive thoracic aortic aneurysm

Fernanda Fonseca Lopes; Camila Santos Spiller; Hugo Leonardo van Tol Aguiar; Thayná Lima Cerqueira Abreu; Glauber Gouvêa; Viviana Ugenti

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

A compressão da via aérea por aneurisma de aorta torácica é rara e diagnosticada usualmente por exames de imagem. Relatamos o caso de um paciente portador de aneurisma de aorta torácica com compressão de traqueia, em que o diagnóstico foi feito pela equipe anestésica por meio de broncoscopia flexível no centro cirúrgico devido à manutenção de dificuldade ventilatória após realização de traqueostomia. O resultado foi a correção imediata do aneurisma, com melhora do quadro clínico do paciente. Demonstramos assim, a necessidade emergencial do reconhecimento dessa complicação, bem como a importância da atuação do anestesiologista neste cenário.


Palavras-chave: Aneurisma da Aorta Torácica. Obstrução das Vias Respiratórias. Broncoscopia. Aneurisma. Insuficiência Respiratória.

11 - Paraganglioma de corpo carotídeo

Carotid body tumor

Hugo Couto; Alexandra Resende Assad; Vagner Francisco Silva; Juliana Martins Mota

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

Paragangliomas de corpo carotídeo são uma neoplasia rara, embora representem a maioria dos paragangliomas da cabeça e pescoço. Apesar dos avanços tecnológicos, sua excisão continua a ser um desafio. Este trabalho tem como objetivo apresentar um caso de paraganglioma de corpo carotídeo, enfatizando seus aspetos clínicos, diagnóstico e tratamento.


Palavras-chave: Paraganglioma. Tumor do Corpo Carotídeo. Paraganglioma Extrassuprarrenal.

12 - Herniação miocárdica evitando exsanguinação por ruptura cardíaca em trauma contuso

Myocardial herniation avoiding exsanguination by cardiac rupture in blunt trauma

Jackson Vinícius de Lima Bertuol; Paulo Ricardo Pastre Marcon; Djoney Rafael dos Santos; José Dantas de Lima Junior; Fernando Antonio Campelo Spencer Netto,TCBC-PR

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

Trauma cardíaco contuso engloba um grande espectro de manifestações clínicas, que vão desde contusão cardíaca assintomática até ruptura do miocárdio e morte. Relatamos o caso de um paciente vítima de queda de altura de seis metros, que se apresentou com sinais de choque obstrutivo e hemorrágico associado à hemotórax maciço, que necessitou de toracotomia de emergência. Durante a exploração cirúrgica, foi observada ruptura cardíaca e pericárdica com herniação do miocárdio. A associação dessas lesões é rara, apresentando alta mortalidade. Acreditamos que a herniação cardíaca atuou como fator protetor, reduzindo o débito cardíaco e evitando a morte por exsanguinação.


Palavras-chave: Traumatismos Cardíacos. Ruptura Cardíaca. Contusões miocárdicas. Exsanguinação.

13 - Tumor de frantz

Frantz's tumour

Henrique Barbosa de Menezes; Luciano Favarato Freire; Lara Kneipp Costa Rossi; Leonardo Luzorio Calegario; Thais Dalla Bernardina Cardoso; Monique Sperandio Lambert

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

Tumor de Frantz é definido como um tumor sólido pseudopapilar do pâncreas descrito pela primeira vez em 1959. Apesar de ser um tumor maligno, cursa, na maioria das vezes, com comportamento benigno. Este tumor acomete, principalmente a região corpo-caudal do pâncreas e é mais incidente em mulheres jovens. Na grande maioria das vezes o diagnóstico é incidental ou por sintomas devido à compressão de órgãos adjacentes pelo tumor. Em geral o prognóstico é bom após a ressecção cirúrgica. Relatamos o caso de uma paciente de 23 anos, portadora de Tumor de Frantz, tratada cirurgicamente.


Palavras-chave: Pâncreas. Neoplasias Pancreáticas. Mulheres. Prognóstico.

14 - Oclusão aguda embólica de aorta abdominal distal

Acute embolic occlusion of the distal abdominal aorta

José Roberto Violatti Filho; Fernando Branco Prata Lóes; Luciana Dornfeld Bichuette; Luís Gustavo Campos Silva

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

A oclusão aórtica aguda é um evento raro, mas catastrófico, que implica em alta morbidade e em elevados índices de mortalidade, mesmo após a revascularização. Relatamos um caso de oclusão aguda embólica de aorta abdominal distal, por grande êmbolo cardíaco, em paciente do sexo feminino, de 69 anos, portadora de cardiomegalia e fibrilação atrial. Por ter se tratado de evento intra-hospitalar, a rapidez para elucidação diagnóstica e para intervenção cirúrgica foi favorecida, evitando consequências catastróficas geradas pela síndrome de isquemia-reperfusão.


Palavras-chave: Isquemia. Reperfusão. Embolia. Aorta Abdominal.

15 - Cisto de duplicação gástrica em lactente

Gastric duplication cyst in infant

Letícia Alves Antunes; Carolina Talini; Bruna Cecília Neves de Carvalho; Thaissa Gibim Ponçano; Sylvio Gilberto Andrade Avilla

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

Duplicações do trato alimentar são anomalias congênitas raras que normalmente se tornam sintomáticas na infância. Os cistos de duplicação gástrica correspondem a 8% dos casos. Relatamos um caso raro de duplicação gástrica em paciente pediátrico com vômitos volumosos de conteúdo alimentar, submetido à laparotomia para ressecção do cisto.


Palavras-chave: Abdome Agudo. Laparotomia. Trato Gastrointestinal. Criança.

16 - Insulinoma de cabeça de pâncreas em criança pré-escolar

Pancreatic's head insulinoma in a preschool child

Taís Soares de Carvalho; Carolina Talini; Bruna Cecília Neves de Carvalho; Letícia Alves Antunes; Douglas Fagundes Teixeira; Hellen Paula de Oliveira; Camila Martinichen; Sylvio Gilberto Andrade Ávilla

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Insulinomas são tumores endócrinos que tem origem nas células beta pancreáticas, que produzem insulina, independentemente da glicemia. Apesar de ser a neoplasia funcionante mais comum do pâncreas, sua incidência na faixa pediátrica é rara. O presente trabalho tem o objetivo de descrever um caso de insulinoma em cabeça do pâncreas em criança pré-escolar tratado por enucleação.


Palavras-chave: Insulinoma. Pâncreas. Pediatria.

17 - Enucleação de cisto de ducto nasopalatino associado à dente supranumerário

Enucleation of nasopalatine duct cyst associated with supernumerary tooth

Cristóvão Marcondes de Castro Rodrigues; Jonas Dantas Batista; Rodrigo Custódio Silveira

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-3

Resumo PDF PT

O cisto do ducto nasopalatino ou cisto do canal incisivo é considerado um cisto não odontogênico, de patogênese incerta, que acomete indivíduos entre a 2ª e 5ª décadas de vida e exibe crescimento lento e assintomático. Descrevemos um caso de cisto do ducto nasopalatino, associado a dente supranumerário que se encontrava próximo ao assoalho nasal. Foi realizada enucleação do cisto juntamente com dente supranumerário.


Palavras-chave: Cirurgia Bucal. Dente Supranumerário. Palato Duro.

18 - Lesão complexa e auto-infligida de couro cabeludo secundária a delírio de infestação parasitária tratada com matriz dérmica e enxertia

Self-inflicted complex scalp injury due to delusional parasitosis treated with dermal matrix and grafting

Dimas André Milcheski; Rodolfo Costa Lobato; Mateus Neves da Silva de Jesus; Wellington Menezes Mota; Alex Chi; Rolf Gemperli, TCBC-SP

Rev. Col. Bras. Cir. 2017;(8):1-4

Resumo PDF PT

Os retalhos livres microcirúrgicos são, em geral, a única opção para tratamento de grandes ferimentos complexos de couro cabeludo. Apresentamos o caso de um paciente diagnosticado com delírio de infestação parasitária, que apresentava ferida profunda e auto-infligida de couro cabeludo, bem como a resolução desta ferida complexa com enxerto de pele sobre matriz dérmica composta. Devido à condição psiquiátrica do paciente, optou-se por este tratamento alternativo aos retalhos microcirúrgicos, os quais são classicamente utilizados para este tipo de lesão, alcançando bom resultado cirúrgico.


Palavras-chave: Derme Acelular. Transplante de Pele. Delírio de Parasitose. Ferimentos Penetrantes. Técnicas de Fechamento de Ferimentos.

Indexada em:

Copyright 2017 - Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões